Ana Paula Valadão comenta o mais novo CD do Diante do Trono 'Imersão'

Gravado ao vivo no Texas (EUA), álbum traz 21 canções espontâneas

Douglas de Barros

Segunda, 12/12/16 às 15:55

COMPARTILHE:

A líder do Ministério de louvor e adoração Diante do Trono, Ana Paula Valadão, revelou detalhes do mais novo CD "Imersão", gravado em Dallas, nos Estados Unidos, o álbum contém 21 faixas no estilo conhecido como adoração espontânea, sem músicas pré produzidas ou ensaiadas.

Lançado em novembro de 2016, o CD Imersão trouxe ao público um antigo desejo do grupo em registrar esses momentos de “mergulho” na presença de Deus. Na gravação, músicos e cantores, tocavam e cantavam canções quase que de forma espontânea aliando as já famosas ministrações, ou pregações também espontâneas feitas pela própria cantora e pastora.

Em Entrevista ao site do ministério, Ana Paula explica como nasceu o projeto de canções espontâneas, que são um marco em sua carreira. “Desde o início do Diante do Trono cânticos espontâneos marcaram a vida das pessoas em nossas gravações e eventos. Há alguns anos meu esposo me apresentou ao estilo soaking de música, que são CDs totalmente espontâneos e que se tornaram a trilha sonora preferida das nossas devocionais. Passamos a sonhar com o dia em que gravaríamos assim também. É claro que para ser espontâneos a esse ponto precisamos ter o domínios dos instrumentos, do canto, do conteúdo da Palavra. Eu e minha família estamos em uma nova estação de nossas vidas, e o Imersão vem para registrar isso: simplicidade, espontaneidade, dependência”, explicou.

(Foto: divulgação)

A produção e direção musical ficou por conta de Vinicius Bruno enquanto Tiago César (Gaúcho), cuidou da captação e edição dos vídeos que estarão disponíveis em breve no canal da banda no YouTube. Vinícius e Tiago são alunos do Christ for the Nations Institute, escola onde Ana Paula ministra aulas em Dallas, nos EUA. "A Igreja Fellowship abriu as portas e num sábado à tarde fizemos a gravação, em praticamente uma tomada só, sem parar. Ficamos maravilhados com essa gravação. Ao final de 1h20, quando encerramos, parecia que apenas 20 minutos haviam se passado. Acho que o Céu deve ser mais ou menos assim, porque perdemos a noção de tempo quando estamos imersos na Presença de Deus", concluiu.

+ NOTÍCIAS DO MUNDO GOSPEL