Com casa lotada, Forró das Antigas leva muita nostalgia ao Recife

Cavalo de Pau, Batista Lima, Calango Aceso, Calcinha Preta e Mastruz com Leite se apresentaram

Hugo Gualberto

Segunda, 20/08/18 às 17:36

COMPARTILHE:

Se tem uma coisa que mexe muito com as pessoas, essa coisa é a nostalgia. Quem é fã de Forró sabe disso. Não é à toa que um evento que tem ganhado cada vez mais corpo é o Forró das Antigas, que teve mais uma edição em Recife-PE e lotou o Clube Internacional no último sábado (18) com muita música até o amanhecer.

- Mais notícias do Forró

Neste ano, a festa contou com shows de Cavalo de Pau, Batista Lima, Calango Aceso, Mastruz com Leite e Calcinha Preta.

O primeiro show da noite, da Cavalo de Pau, começou um pouco antes do horário previsto, às 21h30. Parte do público que ainda estava fora do local, começou a entrar assim que ouviu os primeiros acordes das músicas da banda. O show teve seu ponto alto na música "Timidez", que colocou todos para dançar e cantar a plenos pulmões.

(Créditos: @andreluframaia)

Logo após a Cavalo de Pau, o público conferiu um dos shows mais aguardados da noite. Batista Lima subiu ao palco e naquele momento a casa já estava quase em sua lotação completa. O pernambucano cantou canções como "Meia volta", um de seus sucessos mais recentes, mas também deu voz a grandes sucessos de sua carreira, como músicas de sua história na Limão com Mel.

Como não poderia deixar de ser, o público foi ao delírio durante toda a sua apresentação, uma das mais animadas entre os fãs. Ele também dedicou tempo para receber seus fãs antes e depois do show, no camarim.

Clique no botão abaixo para fazer o download do EP Quatro Toques

BAIXAR Ep COMPLETO

(Créditos: @andreluframaia)

O show seguinte também foi mais do que especial. A banda Calango Aceso subiu ao palco e fez uma apresentação memorável. Como a Banda Calcinha Preta teve um atraso devido a um problema em seu ônibus, o grupo acabou realizando um show de três horas sem desanimar em nenhum momento.

Mas o ponto alto ficou para a homenagem mais do que merecida da cantora Adriana Moral a Deivison Kellrs. A vocalista cantou a música "Fase ruim", da Banda Torpedo e que acabou virando um hino a luta do pernambucano contra o câncer de fígado. Infelizmente, na tarde do mesmo dia ele veio a falecer. Assista abaixo o momento da homenagem.

Após a Calango Aceso, foi a vez da Calcinha Preta. O atraso ocorreu por conta do ônibus da banda, que quebrou no caminho. Já fazia algum tempo que a banda não se apresentava em Recife-PE e a oportunidade foi única, principalmente por poder ver Daniel Diau nos vocais, ao lado de Ana Gouvêia e Bell Oliver. Vale ressaltar que a estreia de Silvânia Aquino e Paulinha Abelha ainda irá acontecer em um show em São Paulo.

A banda cantou alguns dos maiores sucessos de sua história e o público não desanimou um só momento, com alguns ápices como sucessos na voz de Daniel Diau.

(Créditos: @andreluframaia)

Os shows aconteceram até o amanhecer, mas quem disse que o público saiu da festa? Pelo contrário, até alguns momentos antes dos últimos shows, ainda havia gente chegando para acompanhar as bandas. Quem encerrou e fechou a festa com chave de ouro foi a Mastruz com Leite.

A banda pioneira no Forró Eletrônico trouxe alguns de seus clássicos para o público recifense. Muitas das músicas apresentadas no show você pode encontrar no CD São João de Todos os Tempos, lançado aqui no Sua Música. Clique no botão abaixo para fazer o download.

BAIXAR CD COMPLETO

Tags: Forró