Recordar é viver: Forrozão Ferro na Boneca!

Banda marcou época no Forró dos anos 2000

Hugo Gualberto

Quinta, 28/11/19 às 11:43
Atualizado em Quinta, 28/11/19 às 15:17

COMPARTILHE:

Ferro na Boneca, para quem não acompanha Forró há muito tempo, pode parecer talvez alguma expressão nordestina - e realmente é - mas estamos falando da banda que misturou Xote com o Forró Pé de Serra e o Forró Estilizado, que apesar de nunca ter alcançado um sucesso tão grande como algumas bandas que percorrem todo o país, deixou uma marca muito importante durante sua história.

- Mais notícias do Forró

O nosso quadro "Recordar é viver" desta semana vai relembrar alguns sucessos da Ferro na Boneca e também vai falar o motivo da banda ter conseguido conquistar um público tão grande pelo Nordeste. Vale lembrar que o grupo, que teve mais de 15 anos de estrada, se encerrou em 2016 e posteriormente voltou a ativa com outras pessoas a frente.

Em 20 de julho de 2001 nascia a Ferro na Boneca, data próxima ao nascimento de bandas como a Saia Rodada, também criada em 2001 e a Aviões do Forró, de 2002, mas vinha com uma proposta diferente das demais, trazia a modernidade do Forró Estilizado unida à tradição do Xote e do Pé de Serra, como na música "Mala e cuia", sucesso com a banda, mas que também foi sucesso com o cantor Flávio José. Escute abaixo.

E essa foi justamente a fórmula do sucesso da banda, o Forró da Ferro na Boneca era feito para dançar e atraia vários públicos diferentes, um mais velho que preferia dançar e outro mais jovem que também ia para dançar, mas que gostava de cantar as músicas e do estilo da banda.

Mas ao falar do sucesso da Ferro na Boneca, somos "obrigados" a citar Briola. O cantor, que agora tem um projeto próprio, é responsável direto pelo sucesso do grupo. E para falar a verdade, a história da Ferro na Boneca e do próprio Briola se confundem, não foi à toa que após sua saída, muitos fãs o acompanharam.

"A minha passagem pela banda Ferro na Boneca foi fundamental para me consolidar como o artista que sou hoje. Foi onde pude, inicialmente, mostrar meu trabalho de forma mais expansiva e me tornar conhecido em vários estados. É uma marca que carrego comigo sempre e acredito que eu tenha deixado um pouco do meu talento marcado na história da banda também.", disse Briola em uma antiga entrevista para o Sua Música.

Abaixo você escuta "Brigas", de acordo com Briola, música mais marcante de sua passagem pela banda

No início da matéria nós falamos que a Ferro na Boneca não alcançou o sucesso nacional e esta é a verdade, mas em partes. Em um determinado ponto da história da banda, uma de suas músicas chegou a ser reconhecida fora do Nordeste. Estamos falando de "Nossa história", sucesso do grupo, que posteriormente foi gravada pela Aviões do Forró e só aumentou este sucesso.

Escute abaixo "Nossa história"

A banda alcançou o auge nos tempos em que sua sede era em Fortaleza-CE, nos anos seguintes a administração foi mudada e sua nova sede foi para o Rio Grande do Norte, um dos estados que a banda mais teve fãs em seus 15 anos.

Problemas foram acontecendo e em determinado momento o cantor Briola, grande pilar do grupo, anunciou sua saída para uma outra banda do mesmo estado. A banda continuou e tempos depois uma das novidades que mais deixaram os fãs felizes aconteceu: Briola retornou para a Ferro na Boneca, mas alguns meses depois anunciou novamente sua saída para criar um projeto próprio.

Vários outros cantores chegaram a passar pela banda, como por exemplo "Assum Preto", que fez história na Brasas do Forró e atualmente está na mesma banda. Por último, teve como vocalista Renan Moral, que esteve no último CD e nos últimos shows, encerrando uma brilhante história com altos e baixos, mas que com certeza ficou marcada na mente de todos os forrozeiros e na história do Forró dos anos 2000.

Após esse período e o encerramento, a banda passou por um tempo de inatividade até um novo grupo assumir o comando. Atualmente ela continua fazendo shows sob o comando do vocalista Neco Forrozeiro.

Já Briola segue em seu projeto de carreira solo, mas fazendo shows menores principalmente em cidades do interior do Rio Grande do Norte.

E para recordar isso e muito mais Forró das Antigas, é só clicar no botão abaixo e conferir a playlist oficial do Sua Música.

       ouvir playlist